Sobre Niemeyer

serie-oscar

Kenneth Frampton

Oscar Niemeyer, Cassino da Pampulha. Belo Horizonte, 1941. Foto: Adriano Conde

Para mim, como para André-Bloc, da L’Architecture d’Aujourd’hui, Niemeyer foi sempre o arquiteto a representar a promessa da América Latina. Ele é a figura única que transformou o legado da plan libre de Le Corbusier num novo tipo de espaço hedonista que se fundia à paisagem. Nesse sentido, sua perspectiva libertadora, no seu auge, era inseparável da visão de mundo de Roberto Burle Marx. Como Alvar Aalto, ele foi um arquiteto que seguiu as primeiras incursões dos chamados pioneiros do Movimento Moderno, e ao fazê-lo introduziu no discurso moderno um conceito mais sensível da racionalidade a serviço do humano. Isso, junto a seu programa político libertador, garantirá a crescente importância cultural de seu trabalho no futuro.


Kenneth Frampton é arquiteto, crítico e historiador de arquitetura.
Autor de História Crítica da Arquitetura Moderna.


_

On Niemeyer

For me, as for Andre-Bloc of L’Architecture d’Aujourd’hui, Niemeyer was always the one architect who represented the promise of Latin America. He is the one figure who transformed the legacy of Le Corbusier’s plan libre into a new kind of hedonistic space that fused into the landscape. In this regard his liberative vision, in its prime, was inseparable from the worldview of Roberto Burle Marx. Like Alvar Aalto he was an architect who followed on the first excursions of the so called pioneers of the Modern Movement and so doing introduced into the receive modern discourse a more sensuous concept of rationality in the service of the human subject. This together with his liberative political agenda will guarantee the increasing cultural significance of his work in years to come.


Kenneth Frampton is an architect, architectural critic and historian.
Author of Modern Architecture: a critical history


Veja todas as matérias da série Oscar Niemeyer 1907-2012
See all the texts in the series Oscar Niemeyer 1907-2012

Veja todas as matérias sobre Oscar Niemeyer já publicadas na revista MDC
See everything on Oscar Niemeyer published on MDC magazine

Tradução: Danilo Matoso Macedo

Anúncios
Esse post foi publicado em Kenneth Frampton, Opinião, Oscar Niemeyer 1907-2012 e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s