expediente

mdc .mínimo denominador comum

revista de arquitetura e urbanismo

ISSN – 1809-4643
contato@mdc.arq.br
©2006-2009 – editores de mdc – belo horizonte/brasília

o que é
objetivos
publique em mdc
_seções
_condições gerais
editores de mdc
como citar
créditos e direitos autorais

o que é

mdc é uma publicação sem fins lucrativos do grupo de arquitetos Alexandre Brasil, André Luiz Prado, Bruno Santa Cecília, Carlos Alberto Maciel, Danilo Matoso, Fernando Maculan, Humberto Hermeto e Pedro Morais, lançada em março de 2006 em Belo Horizonte e Brasília.

A partir das matérias publicadas neste website e dos temas aqui suscitados, são periodicamente editadas revistas impressas, lançadas em eventos públicos com debates e palestras.

objetivos

mdc tem por objetivo refletir sobre a produção contemporânea brasileira de arquitetura, buscando identificar tanto traços comuns e pontos de contato, como diferenças e contradições. É através do mapeamento de convergências e divergências que se discute o que poderiam ser chamados “denominadores comuns” nessas arquiteturas. A partir da generosa contribuição do arquiteto Álvaro Puntoni, chegamos ao depoimento de Affonso Eduardo Reidy dado a Alfredo Brito e Ferreira Gullar para o Inquérito Nacional de Arquitetura, no qual sugeria a existência de um denominador comum à produção arquitetônica moderna brasileira. Em sua argumentação, Reidy foi capaz enumerar com precisão um conjunto de fatores que constituiriam esses denominadores.

A busca por pontos em comum em obras e projetos da produção brasileira recente não tem por objetivo a eleição de modelos a serem seguidos, mas estabelecer a discussão a partir de alguns exemplos que conseguem furar o cerco da massificação cultural e das imposições mercadológicas e econômicas, operando no sentido de estabelecer ideais e objetivos compartilhados.

Para isso, precisam ser reconhecidos mínimos denominadores comuns, capazes de estabelecer uma aproximação entre essas arquiteturas.

Através do diálogo, da reflexão, da crítica séria, isto pode ser possível:

Apontar um MDC.

publique em mdc

seções da revista

encontros e palestras [vídeos]

Nesta seção encontram-se os vídeos dos encontros, debates e palestras promovidos pela revista mdc durante os lançamentos de livros e números impressos.

projetos e obras

Nesta seção são publicados projetos e obras de arquitetura, urbanismo, design e áreas afins, com fotografias, textos explicativos e desenhos. É política editorial da revista publicar os textos enviados pelos autores – considerados parte integrante das obras -, podendo ou não ser acrescentado material analítico complementar pelos Editores de mdc. Critérios para avaliação das propostas envolvem ineditismo do objeto, coesão e clareza na relação entre projeto e conceito, relevância local ou temática do objeto, relação com os contextos local ou cultural.

Para publicar nesta seção, o autor deve enviar o material abaixo relacionado, formatado conforme constante nas Condições Gerais para Publicação na Revista mdc:

  • Desenhos e imagens
    • Cortes, plantas e elevações necessários ao entendimento do projeto, bem como detalhes construtivos relevantes, em formato JPG com qualidade alta ou máxima, com resolução suficiente ao entendimento dos desenhos. É conveniente que grupos de desenhos estejam na mesma escala – indicada através de escala gráfica -, que possuam indicação de orientação solar e as legendas necessárias à compreensão da proposta.
    • Todos os desenhos do projeto de execução e detalhamento de arquitetura e/ou urbanismo, em formato PDF vetorial, acompanhado de arquivo em formato DOC ou PDF com a listagem das pranchas, os créditos e demais informações introdutórias julgadas necessárias para publicação no arquivo do projeto de execução.
    • Diagramas ou croquis ilustrativos e fotos de maquetes ou modelos digitais (opcional). Em formato JPG com qualidade alta ou máxima, e com resolução suficiente ao entendimento dos desenhos.
    • Fotos gerais explicativas, fotos de interiores e fotos de detalhes, em formato JPG com qualidade alta ou máxima.
  • Textos
    • Texto explicativo de até 6.000 caracteres (com espaços);
    • Ficha técnica do projeto contendo:
      • Nome do projeto;
      • Cidade/estado;
      • Ano do Projeto / Ano de conclusão da obra;
      • Autor(es) do projeto de arquitetura;
      • Colaboradores
      • Período de execução da obra
      • Lista de autores de complementares relevantes e consultores;
      • Autor(es) das fotos
      • Construtor(es)
      • Premiações, exposições, concursos de que a obra participou, etc.

opinião

Nesta seção são publicados textos de opinião relativos a temas de interesse aos campos da arquitetura, urbanismo, design e áreas afins. Uma vez lançado um tema, serão acolhidos textos – devidamente fundamentados – com o maior número de opiniões distintas sobre o assunto. Através do confronto de idéias e da diversidade de pontos de vista, pretende-se enriquecer as discussões, auxiliando os leitores na formação de juízo crítico sobre determinado objeto. Temas de debate também podem surgir naturalmente a partir de projetos ou textos publicados em outras seções da revista. Critérios para avaliação de textos envolvem relevância e universalidade do tema, originalidade do argumento ou o caráter informativo do texto. Não serão publicados artigos de opinião que tratem de defesas ou ataques pessoais. As opiniões expressas nessa seção não expressam os pontos de vista dos Editores de mdc.

O formato é livre, observadas as Condições Gerais para Publicação na Revista mdc.

ensaio e pesquisa

Nesta seção são publicados textos de cunho argumentativo ou científico sobre arquitetura, urbanismo e áreas afins. Privilegia-se aqui a clareza, o rigor e originalidade das idéias, que devem ser apresentadas de modo tão objetivo e coeso quanto possível, quanto à forma e à linguagem.

Os artigos poderão ter até 40.000 caracteres (com espaços) e deverão contar com, no mínimo, uma figura ilustrativa. Mais informações nas Condições Gerais para Publicação na Revista mdc.

[O título desta seção é uma homenagem à seção homônima da Revista Projeto na década de 1980]

crítica

Nesta seção são publicados textos analíticos sobre obras de arquitetura, urbanismo e áreas afins. O propósito da crítica aqui é revelar a obra – valorativamente ou não – estabelecendo um diálogo da mesma com o contexto social em que foi produzida, com o seu autor e com a sua história, bem como com o tempo e a cultura atuais.

Os artigos poderão ter até 20.000 caracteres (com espaços) e deverão contar com, no mínimo, uma figura ilustrativa. Mais informações nas Condições Gerais para Publicação na Revista mdc.

notícias

Nesta seção são divulgados eventos, acontecimentos e obras marcantes referentes à arquitetura, urbanismo e áreas afins. O formato é livre. Textos poderão ter até 3.000 caracteres (com espaços). Critérios para avaliação de propostas envolvem relevância, ineditismo, coesão e integridade da informação. Mais informações nas Condições Gerais para Publicação na Revista mdc.

resenhas

Nesta seção serão publicadas resenhas sobre livros e periódicos de arquitetura, urbanismo e demais áreas de interesse correlato. Preferentemente, deverá ser um texto descritivo da publicação, de seu tema e de seu autor. É desejável ainda que a resenha contenha um teor crítico/valorativo sobre a obra.

As resenhas poderão ter até 10.000 caracteres (com espaços) e deverão contar com, no mínimo, uma imagem da capa da publicação. Mais informações nas Condições Gerais para Publicação na Revista mdc.

Condições gerais para publicação na revista mdc

Envio de matérias e avaliação

  • A revista está aberta ao envio de matérias por e-mail [contato@mdc.arq.br] ou no painel de contato.
  • Toda a matérias enviada para publicação será avaliada pelo Editores de mdc, podendo ser:
    • Aceita para publicação sem restrições;
    • Aceita para publicação com sugestões e/ou restrições (artigos potencialmente de boa qualidade, mas com problemas pontuais de redação, argumentação, dados factuais, etc);
    • Não aceita para publicação com sugestões para reapresentação (artigos com boas idéias e/ou pontos de partida, mas com problemas estruturais que precisam necessariamente ser equacionados);
    • Não aceita para publicação.
  • Os Editores da Revista MDC não divulgarão a terceiros qualquer material até que seja publicado ou rejeitado. Em caso de rejeição, os Editores comprometem-se a não divulgar o material para terceiros ou publicá-lo.
  • Os critérios para avaliação são específicos para cada seção da revista.
  • Todos os artigos submetidos à revista poderão ser posteriormente selecionados pelos membros do  Comitê Científico da Revista mdc para constar em uma de suas edições impressas. Neste caso, o autor será contactado caso seja necessário o envio de material complementar.
  • Caso determinado material já tenha sido publicado, o(s) autor(es) comprometem-se a obter licença para nova publicação junto aos editores originais – caso seja necessária – e a referenciar adequadamente a publicação original na matéria.
  • Ao enviar uma matéria para publicação, o(s) autor(es) declaram ser detentores dos direitos de autor do material fornecido, possuindo também, quando necessário, autorização de terceiros para publicar material de autoria alheia. Na qualidade de titular(es) dos direitos de autor do material enviado, nos termos da lei 9.610/98, autoriza(m) ainda os Editores da Revista mdc a disponibilizar gratuitamente, sem ressarcimento dos direitos autorais, o material enviado em meio eletrônico na Rede Mundial de Computadores, para fins de leitura, impressão e/ou download, bem como a publicação do material nos números impressos da Revista MDC ou coletâneas deles derivadas.A licença de direitos de autor para a Revista MDC corresponde à licença Creative Commons, Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 3.0 Unported. Conforme disponível em: < http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/deed.pt > .

Formatos de envio

  • Os textos deverão ser enviados por e-mail no formato doc, txt ou rtf (Word ou OpenOffice).
  • Todas as citações devem ser registradas juntamente com as demais notas relacionadas no final do artigo, com numeração arábica. As referências bibliográficas completas podem tanto constar diretamente nas notas quanto em lista separada. Devem ser seguidas as normas da ABNT para citações e referenciação bibliográfica.
  • Imagens devem ter, no mínimo, 500 pixels de largura. Largura sugerida: 1600 pixels. Sugere-se o envio de ao menos uma imagem por texto. Não serão publicadas imagens com restrições de direitos autorais de terceiros sem autorização expressa destes. Para imagens sem restrições de direitos autorais sugere-se o site Wikimedia Commons
  • Deve ser enviado e-mail e website para divulgação (opcionais) e um breve currículo (1 parágrafo) do(s) autor(es).
  • Todas as citações devem ser registradas em notas de rodapé relacionadas no final do artigo, com numeração arábica. As referências bibliográficas completas podem tanto constar diretamente nas notas quanto em lista separada.

Condições gerais de publicação

  • A publicação de matérias na revista mdc não é remunerada.
  • A matéria publicada ficará disponibilizada por tempo indeterminado.
  • Cada matéria possuirá um endereço eletrônico único associado à data de publicação e ao seu título.

editores de mdc

Editor-chefe

Danilo Matoso Macedo
site | e-mail

Editores

Alexandre Brasil
site | e-mail

André Luiz Prado
site | e-mail

Bruno Santa Cecília
site | e-mail

Carlos Alberto Maciel
site | e-mail

Fernando Maculan
site | e-mail

Humberto Hermeto
site | e-mail

Pedro Morais
site | e-mail

como citar

AUTOR. Tílulo do artigo. MDC: Mínimo Denominador Comum, Belo Horizonte/Brasília, n.##, mês.ano. Disponível em . Acesso em: data.

EXEMPLO:

PRADO, André Luiz. Em busca da pertinência para uma arquitetura tropical. MDC: Mínimo Denominador Comum, Belo Horizonte/Brasília, n.1, jan.2006. Disponível em < http://www.mdc.arq.br > . Acesso em: 12 mar.2006.

créditos e direitos autorais

MDC é uma iniciativa do grupo de arquitetos Alexandre Brasil, André Luiz Prado, Bruno Santa Cecília, Carlos Alberto Maciel, Danilo Matoso, Fernando Maculan, Humberto Hermeto, Pedro Morais.

Os números 1, 2 e 3 de MDC foram viabilizados através do Incentivo cultural da Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Governo do Estado de Minas Gerais, como parte integrante do projeto “Exposição Arquitetura Contemporânea em Minas Gerais; 8 arquitetos’, aprovado conforme CA n.0196/001/2004, com o patrocínio exclusivo da USIMINAS.

Creative Commons License

mdc – revista de arquitetura e urbanismo é propriedade dos editores de mdc.

É licenciado como Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 3.0 Unported License.

Os artigos assinados são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Os créditos devem ser atribuídos aos autores e à revista nos termos da seção “Como Citar” acima.

website: Danilo Matoso

Anúncios